sábado, 11 de outubro de 2008

Toho-surrealista parte II - MIROTIC


to brava cm ele, descobri q ele fuma... mas ainda gosto de vc, Yooo u.u

Avisos: Contém Yaoi Lemon

Hajimero \o/

Estava com dor de cabeça quando acordou. Aquelas Absintas fizeram com que todos ficassem bêbados e não se lembrarem de nada.
Uma garrafa para cada.


Não, agora já sabem que quem se preocupa com o lado sexy do grupo não é o líder, e sim, aquele desgracado que tinha cara, voz, jeito de bebê... Mas que sempre foi um demônio...
Junsu: Gente, vamos comemorar o tour com Absintaaaaaaa\o/
O líder que acabara de voltar de sua caminhada noturna, sempre apresentou um forte senso de humor e um pouco de sarcasmo; olhou para o bundudinho com uma cara surpresa.
Yunho: Oloko, meu! Tem certeza?
Junsu: hai!Toma, um pra cada, comprei!
Um bochechudinho de cabelos estranhos, olhava para a garrafa e não sabia o que fazer com toda essa situação.
Yoochun: Hum... – meio triste.
Um de cabelos curtos, meio claros, o mais alto deles, arqueia a sobrancelha e pensa o que se passou na cabeça daquele moleque safado a comprar justamente Absinta.
Um de cabelos meio escuros, olhar perdido, olhava para a cor da garrafa admirado. Afinal, Absinta tem uma cor maravilhosa!
Jaejoong: Nossa, isso hipnotiiiiiiza....

Uma hora depois...

Junsu estava caído, segurando DUAS absintas que rachou com Changmin, afinal Yoochun não agüentara nem um oitavo dela. Changmin estava ate que sóbrio, um pouco vermelho, coisa que para orientais é normal; estava ajudando Yoochun a ir tomar banho, que não parava de chorar e não andava direito. Yunho estava rindo sem motivos e Jaejoong só olhava para a garrafa, já vazia.


Jaejoong olhava para a garrafa. Yunho acalmou o ataque de riso e olhou para o poio, com idéias insanas...
Yunho: Hyung... Vem ca.
JJ: Hai? É comigo?
Yunho: Não, e com o Junsu. Lógico que e você, besta.
JJ: Não vou, me chamou de besta....
Yunho: Parece criança... Mas e por isso que eu adoro! Vem agora?
Jaejoong vai meio tonto em direção ao líder e senta espalhafatosamante ao lado dele. Yunho fica indignado e olha meio bravo para ele, que não entende o porquê de estar assim.
Yunho: Deixa quieto, só que preciso fazer isso...*morde orelha*.
Jaejoong arrepia. Em retribuição, faz aquela carinha poia dele, deixando o líder louquinho! Não obstante, Jaejoong tasca um beijo lento; Yunho explora toda aquela boquinha pequena e delicada dele com sua língua. Vão se ajeitando no sofá, fazendo Jaejoong deitar para o líder ficar em cima dele. Mais sessões demoradas de amassos fortes, pegadas em todas as partes do corpo; beijos, mordidas e lambidas no pescoço, sussurros carinhosos, olhares por alguns momentos...
Yunho: Pode...?
JJ: Hunrum...
Como Jaejoong estava de camisa, desabotoar olhando para ele com ar safado, foi uma ótima ação. Uma ultima olhada e o líder desce a boca começando pelo pescoço e chega ate o umbigo. Pára um pouco para poder desabotoar o short do poio e terminar a travessia. Jaejoong suspirava prazer ao sentir a língua dele descendo todo seu corpo até lá. E quando chega ...
O poio fica sem ar ao sentir a boca dele explorando seu sexo, de um jeito que o deixava muito louco, pedindo mais e mais. Yunho solta da boca ao ver que o poio quase ejacula em sua garganta, por segundos. Faz cara de bravo, reprovando a situação; porém Jaejoong sorri e faz o líder sorrir também, afinal era tudo tão perfeito e tão engraçado ao mesmo tempo para esses dois apaixonados. Yunho então faz um pequeno strip para seu uke, que fica louco o vendo fazer isso... Em seguida, abaixa a cueca e espera a aprovação do outro, que manda ir logo com o serviço.
Penetrando rapidamente em Jaejoong, faz o poio levar um susto com a ação rápida de seu seme, como sempre. Um pouco doloroso, mas MUITO prazeroso...
Ambos fecharam seus olhos e puderam sentir mais coisas ao seu redor: cheiro de Absinta, suor, esperma; sons do corpo de cima a baixo; toques delicados das mãos e pesados de seus sexos.

Não queriam terminar, queria estar conectados pra sempre.

Mas não dava mais...

Ambos param ao terminar todo o ritual de amor, sentindo o liquido percorrer pelo caminho. E relaxam.

JJ: Hyung...
Yunho: Que foi?
O poio deita na cama e em seguida o líder. Um olha para a cara do outro. Sorriem.
JJ: Te amo...
Meu deus! Aquele sorrisinho mais fofo que ele já viu! O mais puro de todo o mundo...
Yunho: Eu também...


Changmin largara Yoochun embaixo do chuveiro, de roupa mesmo e sentado. Foi refrescar o rosto na pia e deixou o Box fechado, sentando na tampa da patente.
Chan: Vê se para de chorar, hein? E tome banho direitinho.
Yoo: Hyung...eu tento, mas não consigo parar de chorar.
Chan: E porque chora tanto?
Yoo: Não seeeeeeei...*e cai no choro*
Chan: Caramba...
De repente, ele vê que Yoochun parara de chorar e começou desabafar.
Yoo*choramingando*: Agora eu me lembro, foi porque o Junsu disse que não queria mais saber de mim... E eu não sabia o que fazer... E... – quando Changmin se levanta e entra no Box.
Yoo: Changmin?O que...
Um abraço.
Era só isso que o fofo precisava, um abraço pra se sentir melhor. Ambos estavam com as roupas molhadas, marcando o corpo, esquecendo de que tinha um chuveiro ligado na cabeça deles. Changmin olha para o bochechudinho, alisa seu rosto e da um selinho. Yoochun cora violentamente, mas não se sentiu mal...
Chan: Hyung, ta melhor?
Yoo*sorrindo*: Estou... – e trocam um beijo leve. Com o tempo passando e o chuveiro ligado, ambos olham um para o outro e trocam amassos bem quentes e demorados. Changmin desliga o chuveiro e começa a retirar a roupa, quando Yoochun resolve impedir bem na hora da calça.
Chan: O que foi? Não quer?
Yoo: Er... Deixa eu tirar o meu primeiro?*envergonhado*
Chan: Hum, pode ser...
Yoochun vai retirando suas roupas até estar com apenas a cueca. Changmin vai fazendo o bochechudinho deitar devagar no chão, já que banheiro escorrega fácil; em seguida, o garotão retira a cueca do fofo. Mais sessões de super amassos e um direito a descer de língua até o caminho da perdição, caindo de boca! O fofo se excita por completo e não resiste em soltar tudo na boca do parceiro, que engole TUDO!
Em seguida...
O garotão então retira sua calca junto com a cueca e insere rapidamente em Yoochun, que não conteve um grito de dor repentino. No entanto, aquela dor repentina não se comparava a que ele sentiu quando Junsu insensivelmente o dispensou.
Que importa agora? Changmin estava ao seu lado, como sempre. Por que nunca havia pensado na hipótese dele ser a pessoa especial?
Ao fim do ato, ambos vangloreiam o momento do liquido dos deuses ativado, saindo de Changmin para completar Yoochun...
E suspiram.
Yoochun apenas sorri para Changmin antes de um ultimo amasso profundo e adormece. O garotão pega o fofo em seus braços e se aconchega no chão do banheiro mesmo, adormecendo junto.


Estava com dor de cabeça quando acordou. Aquelas Absintas fizeram com que todos ficassem bêbados e não se lembrarem de nada.
Uma garrafa para cada.


Junsu olha para o lugar bagunçado. Aos poucos começa a lembrar que bebeu muito e capotou.
Junsu: Nossa, acho que exagerei! Bem vou indo para... - ao se deparar no sofá com Yunho e Jaejoong deitados um em cima do outro...
Ele sai de fininho, mas dá uma espiada mais uma vez no casal, rindo baixinho. Ao chegar ao banheiro, se depara com o box semi-aberto e quatro pés aparecendo; o ex-bebe fica feliz ao ver que Yoochun e Changmin estavam juntos de vez.
Depois de fazer xixi, vai para a varanda e suspira, ficando um tempo la.
Junsu: Yoo... Você não merece ser enganado, afinal eu não gosto tanto assim de você. O Chan ele que mais gosta de você e sei que ele e o cara ideal; por isso, sejam felizes...
De repente, uma menina aparece perto da casa deles. Junsu vai em direção a ela e sai com essa garota. Na porta da sacada, Yoochun estava parado, olhando aquele casal ao longe e entende que Junsu fez certo. Sorri e diz:
-Mas você gostou de verdade de mim e eu também, isso que importa.
FIM

Epilogo? Siim!!!
Changmin sai do banheiro com Yoochun, ambos de toalha. Se deparam com Yunho e Jaejoong no sofá, agarradinhos.
Chan: Acorda, já é de dia!
Yunho*se assusta*: QUE? QUE FAZEM AQUI? VIERAM ROUBAR MEU LINDO JAEJOONG?*agarra Jaejoong*
JJ*acordando*: Mas hein?
Chan: Ah, se quiserem podem ir usar o banheiro, já lavamos o banheiro pra ninguém escorregar.
Yunho: Ui, eu queria escorregar, hahaha.
JJ: Eu não quero escorregar, pode bater e quebrar os ossos. Depois não podemos ensaiar quebrados.
Yoo: Hum, mas alguém viu Junsu?
Yunho: Ele deve ter saído, melhor pra vocês.
Chan: E é melhor para respirarmos um pouco.
Yunho e Jaejoong saem do sofá e vão pro banheiro, enquanto Yoochun e Changmin sentam, contudo...
No banheiro os dois conversam.
Yunho: Estranho, estou esquecendo algo pra se fazer...
JJ: Yunho você... Trocou o lençol do sofá?
Yunho: ... Agora lembrei o que era...Puts!*bate a mão na testa*

Yoo e Chan, bem bravos: YUNHOOOOOOOOOOOOO!!!!!!
FIM

post by Lina

2 comentários:

Insanamente disse...

OMG! Tá simplesmente PERFEITA!!! *____*
Foi meio estranho imaginar eles nessas situações.. ._.' Mas foi mto engraçado e kawaii ao mesmo tempo *-*
Amei amei ameeeei *O*
Vai ter mais dessas né Lina? hoho 8D

Milena disse...

Ah, bom, então foi a Lina que fez, não foi? Eu já estava pulando de incredulidade (pode?)... A Drika fazendo cenas de... Er, bem, você sabe.
Vi sua mensagem no MSN e agradeço pela boa vontade, o fato é que esses dias o messenger me boicotou e estou resolvendo uns assuntos. XD
Cara, é tanto nome, né não? Mas foi moleza, costume já... A história ficou bem legal e deu até vontade de ler mais, acredita? Er, eu estranhei, mas gostei mesmo. E para minha sorte há o epílogo! Hahá, a última parte foi muito engraçada. YUNHOOOOO!! Haha, boa, boa.

O que seria do "Insanity" sem a contribuição da Lina?! 8D Para apimentar as fics de duuuplo sentido? Valeu aê, até gostei dos carinhas.

Se continuar assim venho ler na hora!! 8D